Pharrell Williams Brasil

CategoriaTBT

#TBT Pharrell Williams & Daddy Yankee – “Mamacita” Ao Vivo no Billboard Music Awards 2005

Pharrell-Williams-Daddy-Yankee-Rompe-Mamacita-Ao-vivo-Roselyn-Sánchez-Billboard-Awards-2005-1

Há 10 anos atrás Pharrell promovia sua carreira solo com diversas aparições em programas de TV e premiações. Uma delas foi no Billboard Awards 2005, em 6 de dezembro, em que apresentou ao lado de Daddy Yankee a música “Mamacita”, com a ajuda dos movimentos calientes da atriz Roselyn Sánchez. Olha como foi:

“Mamacita” não aparece na versão oficial do álbum “In My Mind”, sendo realizada apenas como single promocional.

Pharrell-Williams-Daddy-Yankee-Rompe-Mamacita-Ao-vivo-Roselyn-Sánchez-Billboard-Awards-2005-2

Mamacita feat. Daddy Yankee

Mamacita feat. Daddy Yankee (Pharrell & The Yessirs Version)

Curiosidade: Pharrell produziu Mamacita com 50 Cent em mente, e até enviou o material para o rapper, que acabou recusando.

Aniversário de 5 Anos do Álbum “Nothing” do N*E*R*D

N.E.R.D-Nothing-Capa-Pharrell-Williams-Brasil

“Nothing” é o quarto álbum do N*E*R*D, e ontem fez 5 anos que foi lançado. O disco tem 4 versões – standard com 10 faixas, deluxe com mais 14 músicas, versão iTunes com 15 (música chamada “Fuego”), e a versão do Amazon também com 15 (canção chamada “Ride That Thang”). Pharrell, Chad Hugo e Shae Haley lançaram dois singles oficiais: “Hot ‘N Fun”, com participação de Nelly Furtado, e “Hipnotize U”, produzida pelo Daft Punk. Foram lançados vídeos dos singles promocionais “Help Me” e “Life As A Fish”. N*E*R*D tinham planos de lançar um vídeo para todas as músicas, mas acabou não rolando.

N.E.R.D-Nothing-Encarte-Pharrell-Williams-Brasil-2.jpg

O nome “Nothing” (Nada) foi escolhido porque o trio já tinha outro álbum praticamente pronto, até que Pharrell decidiu fazer outro e começar do “nada”.

N.E.R.D-Nothing-Encarte-Pharrell-Williams-Brasil-1

N*E*R*D – “Nothing” (2010)

1. “Party People” (Ao Vivo)

2. “Hipnotize U”

3. “Help Me”

4. “Victory”

5. “Perfect Defeat”

6. “I’ve Seen The Light” / “Inside The Clouds”

7. “God Bless Us All”

8. “Life As A Fish”

9. “Nothing On You”

10. “Hot ‘N Fun”

11. “It’s in the Air”

12. “Sacred Temple”

13. “I Wanna Jam”

14. “The Man”

15. “Fuego” (iTunes Bonus Track)

16. “Ride That Thang” (Amazon Bonus Track)

Making Of de “Nothing”: os caras explicam as ideias e conceitos por trás do quarto álbum. Direção e gravação de Doug Spangenberg.

Curiosidades:
As fotos do encarte do álbum foram feitas pelo fotógrafo Terry Richardson, que também fez as fotografias do “In Search Of”. As cores das penas no capacete de Pharrell na capa de Nothing é uma homenagem a meia de Shae na capa do primeiro álbum.

Rhea, que hoje em dia é uma das Baes que acompanha Pharrell nos shows, seria a quarta integrante do N*E*R*D. Diversas músicas nesse disco tem a voz dela nos backing vocals.

Antes de se chamar Nothing, o álbum se chamaria “Instant of Gratification”. Pharrell, Chad e Shae tinham mais de 30 músicas prontas, mas decidiram descarta-las e começar do zero. Algumas das músicas sãoSoldier com participação de Santigold, Fam-Lay e Lil Wayne,  “Radio (WTF)” e “Show Me Some Love”.

Bonus:
N*E*R*D Live @ Home

“Inside The Clouds” – Tyler, The Creator Remix

Tyler e Pharrell perfomaram juntos o remix de Inside The Clouds no Coachella de 2011.

#TBT N*E*R*D Ao Vivo no Festival PinkPop 2004

Em 2004 o N*E*R*D fez sua estréia em festivais de música no PinkPop Festival que ocorre todo ano na Holanda. Com um set de 50 minutos, Pharrell e Shae perfomaram músicas do primeiro e segundo álbum da banda, e também o clássico medley de “I Just Wanna Love Ya” e “Pass The Courvoisier”. Na última música, o Black Eyed Peas se junta para ajudar os caras no palco.

Ouve aí:

N.E.R.D Live At PinkPop Festival 2004 Cover Art

N.E.R.D Live At PinkPop Festival 2004 Cover Art (2)

#TBT Tha Liks – Best U Can

Tha Alkaholiks vulgo Tha Liks é um trio de rap americano da Califórnia que estão na ativa desde os anos 90. Em 2001 os caras trabalharam com o The Neptunes e o resultado foi a música “Best U Can” com participação do Pharrell.

Capa-Tha-Liks-Best-U-Can-Neptunes-Pharrell-Williams-Brasil

CD-Tha-Liks-Best-U-Can-Neptunes-Pharrell-Williams-Brasil-2

Curiosidade: no vídeo mostra Pharrell como vocalista de uma banda, que também tem como integrantes Mike Shinoda do Linkin Park e Chino Moreno do Deftones.

#TBT Slim Thug – “Already Platinum” (Especial 10 Anos)

Slim-Thug-Already-Platinum-2005-10-Anos-TBT-Neptunes-Pharrell-Williams

Há 10 anos o Slim Thug lançava um dos seus melhores álbuns: “Already Platinum”. O disco foi lançado pela Geffen e Star Trak, antiga gravadora do The Neptunes. Pharrell e Chad Hugo produziram a metade desse projeto do rapper de Houston, inclusive os singles “Like A Boss” e “I Ain’t Heard Of That”.

Slim disse em uma entrevista que deveria ter lançado seu segundo álbum “Boss Of All Bosses” antes de “Already Platinum”. Segundo o rapper o segundo disco é mais “Houston” e faria mais sucesso, já que naquele ano o estilo rap-do-sul estava bombando. Porém, Thug diz que não sabe qual deles é o álbum favorito de sua carreira.

O rapper vendeu várias mixtapes enquanto era um artista independente. No entanto, esse álbum que o fez ter exposição, se tornando relevante, na mídia e no mundo do hip-hop. “Slim Thug nunca mais fará um álbum igual a Already Platinum.” Essa é uma frase do próprio, mas qualquer pessoa que já ouviu o disco pode dizer o mesmo.

Deve ter sido um desafio para a dupla e para o rapper trabalharem juntos. Slim por sair do underground para trabalhar com super-producers, e o The Neptunes tendo que encaixar suas bases pop pesadas no som de Houston cheio de percussões densas e sintetizadores deformadamente lentos.

“Like A Boss”, por exemplo, que traz um instrumental de Banda Marcial, um excesso de tuba, e a voz estereotipada de uma típica negra de Houston gritando “Slim You’re Tha Motha Fucking Boss” é um dos trabalhos mais marcantes e empolgantes de Pharrell e Chad. Faz o ouvinte instantaneamente saber que está ouvindo uma porrada. É um remix do The Neptunes do som de Houston. Uma homenagem!

O outro single, a poderosa “I Ain’t Heard Of That”, que originalmente trazia Jay-Z com um verso e no refrão, é um trabalho primordial dos produtores de Virginiam que gruda 808s em bongos e outras percussões de mão com sintetizadores que parecem que saíram direto de um filme de suspense/sci-fi que ecoam enquanto Slim entrega um dos melhores flows de sua carreira.

“I Ain’t Heard Of That” (1ª versão)

*Pharrell que canta “feliz” hoje, antigamente era um traficante (risos).*

Uma coisa sobre o álbum que só quem esperava muito por ele na época sabe: ele tem uma versão “clandestina”. “Already Platinum” vazou alguns meses antes de ser lançado, que seria em fevereiro de 2005, que ocasionou a data oficial de seu lançamento: 12 de julho de 2005.

Algo que ficou claro na metade da última década foi que o projeto com o rapper do sul trouxe a “besta” que há em Pharrell Williams, que fez um trabalho f#d@ ao tentar ser um produtor de rap do estilo Texas. Quando o cantor de “Happy” fala que os produtores de “Meu Malvado Favorito” o fizeram fazer 9 versões da música até ele chegar no resultado final, isso nos faz imaginar que Slim Thug teve o mesmo efeito. E, provavelmente, os kick drums (baterias) de peso que desenvolvidos por ele nas faixas “Already Platinum”, “Click Clack” e “This is My Life” são mães das usadas no notório “Hell Hath No Fury” (2006) do Clipse. Além das produções, Williams estava no seu modo “Pharrell-Enzo” (Ferrari Enzo era um dos carros que ele dirigia na época). Muitos fãs de Pharrell, eu e Tyler, The Creator inclusive, acham que é a melhor fase dele, já que ele fazia rap atrás de rap falando de seus carros, roupas, joias e mulheres. Há 10 anos, Pharrell realmente era muito diferente em todos os aspectos pelos quais ele é conhecido: composição/rap, bases/produções e estilo.

Already Platinum foi praticamente responsável por Slim Thug ter conseguido colaborar em canções com Beyoncé e Gwen Stefani. Abrir shows para 50 Cent e Eminem. E colocou o rapper, que até aquele momento só tocava para o público underground, nas paradas de sucesso e nos ouvidos dos fãs de Pharrell e Chad.

Infelizmente, ou não, o “casamento” entre Slim Thug e o The Neptunes durou apenas um álbum, e como todo matrimônio, acabou, mas foi bom enquanto durou.

SLim-Thug-Advance-Versão-Pharrell-Williams“Already Platinum” (1ª Versão)
01. “Move Somethin'”
02. “Like A Boss”
03. “I Ain’t Heard Of That (Change Clothes)” feat. Jay-Z
04. “This Is My Life”
05. “Chicken Strip feat. Pharrell
06. “Do It For U” feat. Pharrell
07. “So Incredible” feat. Jazze Phae
08. “Put Ya Up Ma”
09. “Problematic”
10. “Love This Game”
11. “Rock Star”
12. “3 Kings” feat. T.I., Bun B & Lil’ Jon
13. You Too Clean”
14. “So Lost”

Slim-Thug-Already-Platinum-2005-10-Anos-TBT-Neptunes-Pharrell-Williams“Already Platinum” (Versão Original)
1. “The Intro”
2. “Like a Boss”
3. “3 Kings” (featuring T.I. & Bun B)
4. “Diamonds”
5. “Boyz ‘N’ Blue” (featuring Killa Kyleon, Sir Daily, PJ and Chris Ward)
6. “I Ain’t Heard Of That (Remix)” (featuring Bun B)
7. “Click Clack” (featuring Pusha T)
8. “Everybody Loves a Pimp” (featuring Jazze Pha)
9. “Already Platinum” (featuring Pharrell)
10. “Ashy to Classy”
11. “The Interview”
12. “Playa You Don’t Know”
13. “Miss Mary”
14. “Incredible Feelin'” (featuring Jazze Pha)
15. “This is My Life” (featuring LeToya Luckett)
16. “Dedicate”

Veja a seguir algumas filmagens do making of do álbum: